(Português) Projeto Experimentando Ciência realiza primeira visita de 2018!

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

Nesta quarta-feira, o projeto “Experimentando Ciência” retomou suas atividades para o ano de 2018 com a visita da primeira escola, a EMEF Teofilo Ottoni. Seu propósito é, utilizando oficinas de ciência, diversificar o conhecimento científico que os alunos têm e proporcionar uma vivência em contato direto, nas dependências da Faculdade. O grupo era composto por estudantes do sétimo e do nono ano. Foram recebidos no Auditório para uma pequena introdução a respeito do projeto e, posteriormente, dividiram-se para a realização das atividades nos laboratórios.

Dentre os visitados estiveram o Laboratório de Microscopia (em que o objetivo era utilizar mucosa retirada pela raspagem para perceber diferenciação de células no microscópio, além de entender outros conceitos de citologia geral), e o Laboratório de Antropologia e Odontologia Forense (OFLab), em que os alunos puderam compreender a funcionalidade do reconhecimento forense e a utilização da mordida para entender e compor diversos casos jurídicos, por exemplo. Também houve visitação ao Laboratório de Imagem em 3D (Labi-3D), onde foram ensinados a analisar tomografias e sua função principal. Além desse, os presentes também puderam retirar DNA de uma banana e degradá-lo no Laboratório de Patologia Molecular, entendendo suas características.

Posterior ao lanche coletivo, reencontraram-se no Auditório para apresentar aos próprios colegas os conceitos aprendidos. O ano de 2018, também, conta com a inserção de uma atividade nova: o Laboratório de Microbiologia das Mãos, em que puderam compreender a composição bacteriana das mãos e a importância de práticas de higiene geral e bucal, como uso de fio dental e a própria lavagem de mãos, por exemplo.

O Projeto inicia uma série de visitas com estudantes da rede pública no intuito de, além de aproximá-los da ciência, conectá-los mais com o ensino superior público e oferecer uma experiência fora do cotidiano.

Skip to content