(Português) Palestra aborda novas possibilidades de saúde bucal

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

O Centro de Pesquisas Clínicas (CEPEC) ofereceu a palestra “Avanço de Materiais Bioativos com Tecnologia Giomer e seu Benefícios Clínicos”, no Anfiteatro Myaki Issáo. Ministrada pelo Dr. Toshiyuki Nakatsuka, na terça-feira, 02 de outubro, a conferência revelou os muitos benefícios do Surface Pre-Reacted Glass Ionomer Filler (S-PRG), um ionômero de vidro diferenciado por suas ações antibacterianas, tamponantes e o uso do estrôncio como fortificante dental e ósseo. Giomer são todos os produtos da marca que têm o S-PRG em sua fórmula.

Os docentes Profa. Dra. Daniela Raggio, Prof. Dr. José Carlos Imparato e  Prof. Dr. Marcelo Bönecker organizaram o evento junto à empresa japonesa, a qual focou os alunos de pós-graduação.

Apresentando-se como Mr. Giomer, Dr. Toshiyuki Nakatsuka revela sua esperança no sucesso de sua criação, uma vez que a adota até como epônimo. Com o intuito de explicar suas ideias, o desenvolvedor da Shofu regressou às gueixas de Kyoto, as quais tingiam seus dentes de preto por quesitos estéticos. Notou-se, todavia, que a dentição de mulheres bem mais velhas, que adotavam o método, tinha maiores chances de se manter intacta. Em vista disso, surgiu um dos primeiros processos de prevenção anti-cárie.

O passar dos anos trouxe à tona diversos fármacos do segmento, como o fluoreto de diamina de prata, substituída em razão de alguns efeitos colaterais e agentes mais eficientes. Nessa ânsia por desenvolvimento o Mr. Giomer foi atrás de novas possibilidades, até chegar ao compósito atual, diferenciado dos demais por liberar íons múltiplos, cada qual com seu respectivo efeito positivo.

O S-PRG pode ter várias formas de aplicação. O criador do material deu ênfase às resinas, visto que, segundo ele, a interface entre resina e cavidade (fruto de lesão cariosa) é uma área sensível a infecções bacterianas. Apesar disso, ele não deixou de falar das expectativas de vê-los no cotidiano, como em dentifrícios e enxaguantes bucais, pois o seu objetivo é atender justamente quem está em casa.

O pesquisador apontou, de mesma forma, outras propriedades interessantes de seu produto, como a ação do estrôncio, presente em cremes dentais voltados à sensibilidade dos dentes. Além de agirem sobre os microtúbulos, enalteceu o fortalecimento ósseo, assentado no uso do elemento químico em tratamento de doenças como a osteoporose.

Mr Giomer mostrou mais uma série de materiais, reforçando a versatilidade do seu ionômero. Porém, em sua ânsia de cientista, convocou os presentes à ajudá-lo em sua busca por novas aplicações do S-PRG, enquanto contava sua parceria com 29 universidades no Japão. Muito aberto, ofereceu a oportunidade da FOUSP desenvolver pesquisas de ponta com esse novo compósito.

Os docentes e pós-graduandos, muito empolgados, fizeram perguntas sobre a forma de ação do compósito, e outros possíveis efeitos, supostos devido às explicações do doutor. Logo após, o pessoal da Shofu ofereceu um workshop para o manuseio de materiais bioativos, onde o próprio pesquisador foi bastante solícito.

Skip to content