(Português) Evolução dos registros ORCiD na USP continua positiva. Confira dados de janeiro de 2020

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

Link: https://www.aguia.usp.br/?p=45783

O registro ORCiD (Open Researcher and Contributor ID) em português ID Aberto de Pesquisador e Contribuidor é um código alfanumérico para identificar exclusivamente cientistas e outros autores acadêmicos e contribuidores.

Benefícios para os Pesquisadores

O ORCiD é um identificador internacional gratuito e também um currículo digital para docentes, alunos e profissionais. Ele fornece uma identidade persistente para os autores e conecta com as  editoras de revistas e os artigos por meio dos identificadores de objetos digitais (DOIs).

Integrando-se a outros identificadores (ResearcherID, ScopusID, GoogleID), editores de revistas (Springer Nature, Elsevier, Wiley, etc) e organizações mundiais (Crossref, Datacite, Uberwizard), o registro ORCiD permite atualizações automáticas de informações sobre produção científica, agregando racionalidade às atividades do pesquisador e a validação de seus dados. Além disso, promove a identificação inequívoca do autor, a visibilidade de suas atividades e sua reputação internacional.

Benefícios para as Universidade de Pesquisa

A pesquisa é conduzida e comunicada em organizações como universidades e institutos de pesquisa, laboratórios governamentais e comerciais e outras instituições. Globalmente, essas instituições empregam e ensinam milhões de pessoas envolvidas em pesquisa, ensino e atividades  inovadoras. As universidades gerenciam informações de pesquisa em muitos sistemas diferentes. Isso dificulta o acompanhamento das atividades e resultados de seus pesquisadores em suas próprias instituições. E é ainda mais desafiador quando se leva em conta as diversas solicitações de subsídios, envio de manuscritos, perfil de pesquisa e outros sistemas com os quais interagem fora da sua instituição. Além disso, os pesquisadores se mudam – após a formatura, no período sabático, ao se destacarem ou assumirem novas posições [1].

Imagine um mundo em que seus pesquisadores possam passar mais tempo fazendo contribuições para a pesquisa e ficar menos frustrados ao gerenciar e compartilhar essas contribuições; e onde você pode acompanhar mais facilmente suas atividades profissionais ao longo de sua carreira.

O registro ORCiD é uma parte vital do kit de ferramentas que as universidades e seus pesquisadores podem usar para tornar essa visão uma realidade. Os ORCID iDs podem distinguir seus pesquisadores e, por meio de APIs e integrações, podem melhorar significativamente o fluxo de informações de pesquisa dentro e entre organizações em todas as etapas do ciclo de vida da pesquisa, desde o pedido de concessão de financiamento e publicação até os relatórios de gerenciamento de informações de pesquisa [1].

Além de seu uso como um identificador persistente para os pesquisadores das Universidades, o registro ORCiD pode ajudar a controlar e padronizar como o nome da instituição é usado nos sistemas de pesquisa. Em combinação com outros identificadores persistentes, o ORCiD permite que você afirme com autoridade sua equipe, corpo docente e afiliações de estudantes com sua instituição. É possível também usar APIs da ORCID para receber notificações em tempo real sobre as atividades de pesquisa, atualizar automaticamente os formulários e seguir as carreiras de dos ex-alunos [1].

A organização ORCID oferece uma gama de recursos para apoiar as instituições de pesquisa no uso de IDs, incluindo  orientação de melhores práticas e articulação clara dos benefícios potenciais em todas as etapas, além de informações técnicas .

Universidade de São Paulo é oficialmente membro da ORCID desde o final de 2016 e a afiliação permitirá à USP gerar ORCID iDs autenticados ou autenticar os ORCID iDs existentes de todos os integrantes de sua comunidade (estudantes, docentes e servidores técnico-administrativos). Para vincular seu nº ORCiD à USP, acesse o link: http://www.usp.br/orcid

A Campanha pela adoção do registro ORCiD na USP começou em março de 2017. A evolução da adoção do identificador ORCiD pelos pesquisadores da USP apresenta desempenho positivo em âmbito geral no decorrer dos anos, como demonstra o Gráfico evolutivo abaixo.

Os Gráficos referentes aos ORCiDs de pesquisadores vinculados à USP no período de março de 2017 a 24 de janeiro de 2020 são apresentados a seguir por Unidade e por Categoria.

O objetivo é que todos os pesquisadores (docentes, pós-doutorandos, discentes de pós-graduação e graduação e funcionários) da USP se registrem na ORCID e vinculem seu registro ao seu nº USP, preenchendo suas informações e vinculando seu registro a outras entidades como a Crossref e editores científicos.

Para saber mais sobre essa iniciativa na USP, acesse: http://www.usp.br/orcid

Contate sua Biblioteca ou a Coordenadoria da Agência USP de Gestão da Informação Acadêmica (AGUIA) para saber mais ou solicitar treinamentos e apresentações sobre o ORCiD na USP. Para vincular seu nº ORCiD à USP, acesse o link: http://www.usp.br/orcid

== Referência ==

ORCID for research organizations.  Disponível em: https://orcid.org/organizations/research-orgs Acesso em: 26 fev. 2020.

Skip to content