Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

Alunos da FOUSP
  Granada A Universidade de Granada foi fundada em 1531 e, com o passar dos séculos, reuniu um vasto patrimônio histórico e cultural. Influências ibéricas, romanas, judaicas e islâmicas fazem da cidade de Granada um museu vivo e um grande centro de estudos, onde vivem mais de cem mil universitários e cerca de dez mil docentes. Thaís Torralbo Lopez, aluna e intercambista da FOUSP, fascinou-se pelos vestígios da cultura árabe na região da Andaluzia. “Não tenho nem palavras para descrever a riqueza de detalhes nas construções, os lagos e fontes que eram construídos para a purificação do ser. E as construções medievais, grandes torres, escadarias gigantescas, castelos construídos pedra por pedra, nos levam a imaginar como isso era possível naquela época!” O deslumbramento de Thaís não se limita à arquitetura da cidade. “Fiquei mais encantada ainda quando visitei o museu que existe no último andar da Faculdade. Pude ver diversos equipos odontológicos de décadas passadas, velhos instrumentos e um laboratório de prótese montado com equipamentos muito antigos. Fiquei encantada em ter o conhecimento das raízes de nossa profissão”. João Paulo Capp, também estudante da FOUSP, elogia a recepção docente e discente da Universidade de Granada: “Pude aprender muito com as diferenças tanto profissionais, quando culturais”. O aluno também valoriza a vida tipicamente universitária e, principalmente, o interesse dos novos colegas no Brasil: “Todos se demonstraram abertos a trocas de informações e também à realização de novos intercâmbios nos próximos anos”. Queen Mary, University of London A Queen Mary foi fundada em 1887, mas só se uniu à Universidade de Londres em 1915. Possui 16 mil estudantes, sendo um quinto deles estrangeiros de mais de 110 países. A Instituição, que surgiu como centro filantrópico, mantém seu funcionamento com diversos programas de extensão, além de despontar entre as maiores fontes de pesquisa médica e odontológica da Inglaterra. A primeira vez da aluna Andrea Gonçalvez Kobuta no Reino Unido foi marcante. Além de adquirir novos conhecimentos em odontologia, a estudante se encantou pela cultura, pelas belas paisagens e pela população londrina. “O povo, diferente do que eu esperava, é muito receptivo”. A aluna Samira Souza, passou duas semanas acompanhando as clínicas odontológicas em Londres. A infraestrutura e o aprendizado, segundo a estudante, foram aspectos extremamente positivos, assim como o contato com diferentes procedimentos. “Foi uma oportunidade de conhecer uma realidade diferente da nossa e também dar mais valor ao ensino e atendimento que temos no Brasil”. A estudante Raquel Lopes compartilha das impressões de Samira: “Minha experiência foi muito importante para meu crescimento pessoal e profissional, além de agregar a percepção de quão rica é a odontologia brasileira”. King’s College London Dental Institute A primeira cirurgia odontológica realizada no King’s College Hospital data de 1840, mas o curso de graduação foi inaugurado apenas em 1923. A Instituição contou com o trabalho de renomados cirurgiões dentistas, como Samuel Cartwright, John Tomes e James Turner. Para três alunas da FOUSP, a viagem ao Reino Unido foi inesquecível. “Nunca tinha viajado sem meus parentes. Não conhecia a Europa e aproveitei a oportunidade para conhecer outras cidades e países e aprimorar meus conhecimentos das línguas inglesa e italiana”, conta a estudante Gabriella Strauss. A estudante Diana Müller só tem elogios à cidade de Londres: “É maravilhosa! Achei segura, muito fácil de se locomover e animada”. A terceira viajante, Marina Oliveira Barbosa, fala um pouco sobre o campus da King’s College: “A estrutura é muito boa, por se tratar de um hospital. Há também muitos profissionais capacitados para te ajudar”. As estudantes, assim como outros intercambistas, trazem de fora o conhecimento de tecnologias menos conhecidas por aqui. “Eles tem um produto que achamos muito interessante: ‘Clinell’, um lencinho umedecido que combate até o vírus da hepatite B”, exemplifica a aluna Diana Müller. UCLA A Universidade da California em Los Angeles foi fundada em 1919 e se localiza na região de Westwood, a menos de dez quilômetros do oceano pacífico. Com mais de 25 mil alunos, a UCLA possui o maior campus da Califórnia e a oitava maior biblioteca do país. A estudante Monique Mori impressionou-se com a forte presença da odontologia na cidade de Los Angeles. “Há uma grande quantidade de clínicas odontológicas espalhadas pela cidade inteira. É comum também vermos clareamentos dentários em quiosques de shoppings”. A aluna Denise Asahi maravilhou-se com a cultura norte-americana, com a segurança e com o transporte público do país, que lhe permitiu visitar várias cidades. “Em vinte dias, pude conhecer Los Angeles, Nova York, São Francisco e Las Vegas”, conta a viajante. A estudante Nathália Paiva de Andrade elogia o programa de intercâmbio. “Viajar é uma experiência única e com a possibilidade de conhecer outra faculdade de odontologia a experiência fica mais completa. Aprendemos a valorizar mais a nossa própria faculdade e ao mesmo tempo trazemos ideias para aprimorar.”

Alunos Estrangeiros Stuart Patton (Queen Marys´s/Barts and the London) “A Faculdade de Odontologia da USP é um lugar memorável. Durante a minha visita fiquei impressionado com as atitudes positivas expressadas por alunos, professores, funcionários e o diretor. Estou impressionado com o Laboratório de Laser e o CAPE, lugares que não existem iguais na Inglaterra. Me considero um privilegiado por ter participado deste programa de intercâmbio.” Erk Willing (Universidade de Aachen) “Minhas expectativas com relação ao intercâmbio foram superadas!” Mohammad Rezazadeh (Universidade de Aachen) “O intercâmbio com a Universidade de São Paulo é, em minha opinião, um sucesso. Foi uma interessante e fascinante experiência vivenciar a cultura e os ambientes da Faculdade de Odontologia. Fomos recebidos com cordialidade e respeito. Fiquei impressionado com a clinica odontológica e os equipamentos de ultima geração do Laboratório de laser. Espero que este intercâmbio seja o primeiro passo de uma conexão ainda maior com a Universidade de Aachen.” Isabel Wittenbrick (Universidade de Aachen) “Este intercâmbio foi uma excelente oportunidade de observar com uma universidade for a da Alemanha funciona. Fiquei impressionada com as mudanças realizadas pelo diretor e com as modernas salas de aulas e laboratórios oferecidos aos alunos, assim como o espaço oferecido aos alunos, docentes e funcionários. Na Alemanha não temos tantas aulas práticas como os alunos brasileiros tem e isso foi para mim, um grande ponto positivo para a FOUSP.” Nicholas Sheehan (Queen Marys´s/Barts and the London) “A diversidade cultural da Universidade de São Paulo me impressionou, assim como a hospitalidade dos alunos e professores da Faculdade de Odontologia. A FOUSP é para mim uma excelente universidade na qual a tecnologia e a modernidade se misturam com uma equipe dedicada e apaixonada por odontologia, o que foi muito bom de ver!” Gabriela Martinez e Ana Lorena Jarrin (Equador) “ Durante essas duas semanas apreciamos e aprendemos muito. Foi enriquecedor o tempo que passamos observando os alunos e professores. Graças a este intercâmbio aprendemos técnicas diferentes e conhecemos os diferentes departamentos com sua maravilhosa infra-estrutura que conta com equipos de ultima tecnologia e todas as ferramentas necessárias para a docência. Nossa impressão foi a melhor possível!”
 

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

Alunos da FOUSP

 

Granada

A Universidade de Granada foi fundada em 1531 e, com o passar dos séculos, reuniu um vasto patrimônio histórico e cultural. Influências ibéricas, romanas, judaicas e islâmicas fazem da cidade de Granada um museu vivo e um grande centro de estudos, onde vivem mais de cem mil universitários e cerca de dez mil docentes. Thaís Torralbo Lopez, aluna e intercambista da FOUSP, fascinou-se pelos vestígios da cultura árabe na região da Andaluzia. “Não tenho nem palavras para descrever a riqueza de detalhes nas construções, os lagos e fontes que eram construídos para a purificação do ser. E as construções medievais, grandes torres, escadarias gigantescas, castelos construídos pedra por pedra, nos levam a imaginar como isso era possível naquela época!”

O deslumbramento de Thaís não se limita à arquitetura da cidade. “Fiquei mais encantada ainda quando visitei o museu que existe no último andar da Faculdade. Pude ver diversos equipos odontológicos de décadas passadas, velhos instrumentos e um laboratório de prótese montado com equipamentos muito antigos. Fiquei encantada em ter o conhecimento das raízes de nossa profissão”. João Paulo Capp, também estudante da FOUSP, elogia a recepção docente e discente da Universidade de Granada: “Pude aprender muito com as diferenças tanto profissionais, quando culturais”. O aluno também valoriza a vida tipicamente universitária e, principalmente, o interesse dos novos colegas no Brasil: “Todos se demonstraram abertos a trocas de informações e também à realização de novos intercâmbios nos próximos anos”.

Queen Mary, University of London

A Queen Mary foi fundada em 1887, mas só se uniu à Universidade de Londres em 1915. Possui 16 mil estudantes, sendo um quinto deles estrangeiros de mais de 110 países. A Instituição, que surgiu como centro filantrópico, mantém seu funcionamento com diversos programas de extensão, além de despontar entre as maiores fontes de pesquisa médica e odontológica da Inglaterra. A primeira vez da aluna Andrea Gonçalvez Kobuta no Reino Unido foi marcante. Além de adquirir novos conhecimentos em odontologia, a estudante se encantou pela cultura, pelas belas paisagens e pela população londrina. “O povo, diferente do que eu esperava, é muito receptivo”.

A aluna Samira Souza, passou duas semanas acompanhando as clínicas odontológicas em Londres. A infraestrutura e o aprendizado, segundo a estudante, foram aspectos extremamente positivos, assim como o contato com diferentes procedimentos. “Foi uma oportunidade de conhecer uma realidade diferente da nossa e também dar mais valor ao ensino e atendimento que temos no Brasil”. A estudante Raquel Lopes compartilha das impressões de Samira: “Minha experiência foi muito importante para meu crescimento pessoal e profissional, além de agregar a percepção de quão rica é a odontologia brasileira”.

King’s College London Dental Institute

A primeira cirurgia odontológica realizada no King’s College Hospital data de 1840, mas o curso de graduação foi inaugurado apenas em 1923. A Instituição contou com o trabalho de renomados cirurgiões dentistas, como Samuel Cartwright, John Tomes e James Turner. Para três alunas da FOUSP, a viagem ao Reino Unido foi inesquecível. “Nunca tinha viajado sem meus parentes. Não conhecia a Europa e aproveitei a oportunidade para conhecer outras cidades e países e aprimorar meus conhecimentos das línguas inglesa e italiana”, conta a estudante Gabriella Strauss. A estudante Diana Müller só tem elogios à cidade de Londres: “É maravilhosa! Achei segura, muito fácil de se locomover e animada”.

A terceira viajante, Marina Oliveira Barbosa, fala um pouco sobre o campus da King’s College: “A estrutura é muito boa, por se tratar de um hospital. Há também muitos profissionais capacitados para te ajudar”. As estudantes, assim como outros intercambistas, trazem de fora o conhecimento de tecnologias menos conhecidas por aqui. “Eles tem um produto que achamos muito interessante: ‘Clinell’, um lencinho umedecido que combate até o vírus da hepatite B”, exemplifica a aluna Diana Müller.

UCLA

A Universidade da California em Los Angeles foi fundada em 1919 e se localiza na região de Westwood, a menos de dez quilômetros do oceano pacífico. Com mais de 25 mil alunos, a UCLA possui o maior campus da Califórnia e a oitava maior biblioteca do país. A estudante Monique Mori impressionou-se com a forte presença da odontologia na cidade de Los Angeles. “Há uma grande quantidade de clínicas odontológicas espalhadas pela cidade inteira. É comum também vermos clareamentos dentários em quiosques de shoppings”.

A aluna Denise Asahi maravilhou-se com a cultura norte-americana, com a segurança e com o transporte público do país, que lhe permitiu visitar várias cidades. “Em vinte dias, pude conhecer Los Angeles, Nova York, São Francisco e Las Vegas”, conta a viajante. A estudante Nathália Paiva de Andrade elogia o programa de intercâmbio. “Viajar é uma experiência única e com a possibilidade de conhecer outra faculdade de odontologia a experiência fica mais completa. Aprendemos a valorizar mais a nossa própria faculdade e ao mesmo tempo trazemos ideias para aprimorar.”


Alunos Estrangeiros

Stuart Patton (Queen Marys´s/Barts and the London)

“A Faculdade de Odontologia da USP é um lugar memorável. Durante a minha visita fiquei impressionado com as atitudes positivas expressadas por alunos, professores, funcionários e o diretor. Estou impressionado com o Laboratório de Laser e o CAPE, lugares que não existem iguais na Inglaterra. Me considero um privilegiado por ter participado deste programa de intercâmbio.”

Erk Willing (Universidade de Aachen)

“Minhas expectativas com relação ao intercâmbio foram superadas!”

Mohammad Rezazadeh (Universidade de Aachen)

“O intercâmbio com a Universidade de São Paulo é, em minha opinião, um sucesso. Foi uma interessante e fascinante experiência vivenciar a cultura e os ambientes da Faculdade de Odontologia. Fomos recebidos com cordialidade e respeito. Fiquei impressionado com a clinica odontológica e os equipamentos de ultima geração do Laboratório de laser. Espero que este intercâmbio seja o primeiro passo de uma conexão ainda maior com a Universidade de Aachen.”

Isabel Wittenbrick (Universidade de Aachen)

“Este intercâmbio foi uma excelente oportunidade de observar com uma universidade for a da Alemanha funciona. Fiquei impressionada com as mudanças realizadas pelo diretor e com as modernas salas de aulas e laboratórios oferecidos aos alunos, assim como o espaço oferecido aos alunos, docentes e funcionários. Na Alemanha não temos tantas aulas práticas como os alunos brasileiros tem e isso foi para mim, um grande ponto positivo para a FOUSP.”

Nicholas Sheehan (Queen Marys´s/Barts and the London)

“A diversidade cultural da Universidade de São Paulo me impressionou, assim como a hospitalidade dos alunos e professores da Faculdade de Odontologia. A FOUSP é para mim uma excelente universidade na qual a tecnologia e a modernidade se misturam com uma equipe dedicada e apaixonada por odontologia, o que foi muito bom de ver!”

Gabriela Martinez e Ana Lorena Jarrin (Equador)

“ Durante essas duas semanas apreciamos e aprendemos muito. Foi enriquecedor o tempo que passamos observando os alunos e professores. Graças a este intercâmbio aprendemos técnicas diferentes e conhecemos os diferentes departamentos com sua maravilhosa infra-estrutura que conta com equipos de ultima tecnologia e todas as ferramentas necessárias para a docência. Nossa impressão foi a melhor possível!”


 

Skip to content