O Centro de Atendimento a Pacientes Especiais, da Faculdade de Odontologia da Universidade de São Paulo, teve um crescimento expressivo em relação ao número de pacientes atendidos e em relação as atividades científicas e clínicas desenvolvidas. Com o tempo tornou-se clara a necessidade de incentivar o estudo específico de certas patologias atendidas freqüentemente no CAPE. Assim foram criados os Grupos de Estudo, congregando profissionais com áreas de interesse comum. Por iniciativa da Profa. Dra. Marina Gallotini e da Profa. Dra. Karem Ortega, o Grupo de Estudos em Doenças Infecto-Contagiosas foi fundado no final de 2004. Seu objetivo é aprimorar os conhecimentos técnico-científicos através do desenvolvimento de pesquisas clínicas, na área de doenças infecto contagiosas de interesse para a odontologia. São promovidas palestras, com profissionais destacados na área (médicos e cirurgiões-dentistas), para que assuntos atuais sejam divulgados uniformemente. Mas, é no desenvolvimento de projetos de pesquisa que o Grupo tem seu principal objetivo. A divulgação dessas pesquisas também é incentivada através da participação de seus membros em congressos (apresentando pôsteres, casos clínicos ou fóruns) e de publicações em periódicos nacionais e internacionais. As principais linhas de pesquisa são o HIV/AIDS, as hepatites virais e o HTLV. Algumas parcerias têm sido estabelecidas. A principal delas está fixada entre o CAPE e o Instituto de Infectologia Emílio Ribas. Outros centros também já estiveram presentes em nosso relacionamento interinstitucional como o Centro Corsini (Campinas), o NIC (Santos), o Departamento de Patologia Bucal da APCD e a Faculdade de Odontologia da Universidade de Granada (Espanha). O espaço está aberto. Venha fazer parte deste grupo!

Karem López Ortega Marina Gallotini

[child-pages depth=1]

O Centro de Atendimento a Pacientes Especiais, da Faculdade de Odontologia da Universidade de São Paulo, teve um crescimento expressivo em relação ao número de pacientes atendidos e em relação as atividades científicas e clínicas desenvolvidas. Com o tempo tornou-se clara a necessidade de incentivar o estudo específico de certas patologias atendidas freqüentemente no CAPE.

Assim foram criados os Grupos de Estudo, congregando profissionais com áreas de interesse comum. Por iniciativa da Profa. Dra. Marina Gallotini e da Profa. Dra. Karem Ortega, o Grupo de Estudos em Doenças Infecto-Contagiosas foi fundado no final de 2004. Seu objetivo é aprimorar os conhecimentos técnico-científicos através do desenvolvimento de pesquisas clínicas, na área de doenças infecto contagiosas de interesse para a odontologia. São promovidas palestras, com profissionais destacados na área (médicos e cirurgiões-dentistas), para que assuntos atuais sejam divulgados uniformemente. Mas, é no desenvolvimento de projetos de pesquisa que o Grupo tem seu principal objetivo.

A divulgação dessas pesquisas também é incentivada através da participação de seus membros em congressos (apresentando pôsteres, casos clínicos ou fóruns) e de publicações em periódicos nacionais e internacionais. As principais linhas de pesquisa são o HIV/AIDS, as hepatites virais e o HTLV. Algumas parcerias têm sido estabelecidas.

A principal delas está fixada entre o CAPE e o Instituto de Infectologia Emílio Ribas. Outros centros também já estiveram presentes em nosso relacionamento interinstitucional como o Centro Corsini (Campinas), o NIC (Santos), o Departamento de Patologia Bucal da APCD e a Faculdade de Odontologia da Universidade de Granada (Espanha). O espaço está aberto. Venha fazer parte deste grupo!

Karem López Ortega
Marina Gallotini